SÃO PAULO FUTEBOL CLUBE

CNPJ/MF nº 60.517.984/0001-04
Fundação:
25/27 de janeiro de 1930 (16 de dezembro de 1935).
Apelidos: O Mais Querido, Clube da Fé, SPFC, Tricolor Paulista.

Esquadrão de Aço (30-34), Tigres da Floresta (30-35), Rolo Compressor (38-39, 43-49), Tricolor do Canindé (44-56), Rei da Brasilidade (50-60), Tricolor do Morumbi (60-), Máquina Tricolor (80/81), Tricolaço (80/81), Menudos do Morumbi (85-89), Máquina Mortífera (92/93), Expressinho Tricolor (94), Time de Guerreiros (2005), Soberano (2008), Jason (08-09), 633 Squadron (2009).

Mascote: São Paulo, o santo.

Lema: Pro São Paulo FC Fiant Eximia (Em prol do São Paulo FC façam o melhor).

Endereço: Pr. Roberto Gomes Pedrosa, 1. Morumbi; São Paulo - SP.
CEP: 05653-070.
Site Oficial: www.saopaulofc.net ou www.spfc.com.br

E-mail: site@saopaulofc.net
Departamento Amador: esportesamadores@saopaulofc.net

Telefone: (55-0xx11) 3749-8000. Fax: 3742-7272.

domingo, 29 de março de 2009

Como era a Chácara da Floresta

Agradecimentos a Régis A. Romualdo.

Nesta foto para lá de rara é possível ver como era parte da sede do São Paulo nos idos de 1935, justamente quando de sua fusão com o CR Tietê (olha só, seu vizinho).

É possivel ver parte do Estádio da Floresta e as quadras de tênis do clube. Na vizinhança oposta ao rio está o AA São Bento, outrora também tradicional clube paulistano. Cabe lembrar que antes de 1930 a sede do Tricolor era a patrimônio da AA das Palmeiras.

Outro ponto interessante é notar a quantidade de clubes que existiam na Floresta, às margens do Tietê, naquela época:

Cluster esportivo do rio Tietê – SP
Henrique Nicolini
http://www.atlasesportebrasil.org.br/textos/12.pdf

Diz o artigo: ... Outro efeito da dissolução do cluster foi o da reabilitação de esportes originais dos clubes ou de ênfase sobre esportes menores praticados na área do Tietê. A ginástica Turnen e o futebol, por exemplo, estavam na origem dos clubes de etnia alemã, abaixo e acima da Ponte Grande, como o ciclismo em velódromo estava para os italianos.

Contudo o retorno ao meio urbano e terrestre, implicou na adoção de posturas esportivas ecléticas e/ou certas especializações como ocorreu no pedestrianismo e atletismo (Clubes Esperia, São Paulo F.C., Corinthians Paulista e Tietê, o qual possuia uma pista nos terrenos da Chácara Floresta); no pugilismo (Esperia, com as famílias Zumbano e Jofre); no tênis (Esperia e Tietê, clube de Maria Ester Bueno, tricampeã em Wimbledon); e no basquetebol (Tietê, Esperia, São Bento, Corithians e A. A. São Paulo, clube que construiu um ginásio de esportes na beira do rio)
.

Comparando agora a região com imagens mais tardias (de 1958 e tempo atual):





Vemos dois campos na imagem de 1958 na Chácara da Floresta, um deles pertencia ao Clube de Regatas Tietê. Futuramente, com a criação da nova pista da Marginal Tietê, o outro campo deixa de existir. O Estádio da Floresta era o da direita (como podemos notar, pela proximidade com o rio e com as quadras de tênis, na primeira imagem deste artigo - O Campo da AA São Bento desapareceu, ao visto, bem antes).

Aqui, a baixo, uma comparação aproximada levada em questão os mapas anteriores. Maior definição se torna impraticável com somente isto, visto que os cursos dos rios foram alterados com a construção das avenidas marginais.


Um comentário:

  1. Esse negócio de vizinhança, hein. E hoje somos vizinhos do Palmeiras, em termos de CTs.

    ResponderExcluir

Grandes Taças